Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DIVAGAR DEVAGAR-2

Na lonjura do horizonte a busca etérea da luminosidade espiritual...da doçura do sonho, às agruras da realidade.Palavras e imagens que, devagar, divagam entre ignotas luzes, sombras e penumbras, de ciclos de vidas incertas e perdidas.

Na lonjura do horizonte a busca etérea da luminosidade espiritual...da doçura do sonho, às agruras da realidade.Palavras e imagens que, devagar, divagam entre ignotas luzes, sombras e penumbras, de ciclos de vidas incertas e perdidas.

Momento Poético - 99

ZOOYA DIY Diamond Painting.JPG

                                              (arte partilhada de ZOOYA DIY Diamond Painting)

                                             

 

 

o fervor libidinoso

 

naquela noite    entraste    sorrateira

violando a minha insónia e meu silêncio…

do teu corpo    emanava um cheiro intenso

das flores    que cresciam    na ladeira

 

perto das águas frescas    da ribeira…

teus olhos difundiam brilho imenso

iluminando a cor    daquele lenço

que te cobria a linda cabeleira…

 

nua e bela     poisaste o teu perfume

na varanda    do meu corpo guloso

e    numa dádiva de amor e lume

 

saciaste o fervor libidinoso

dum corpo    que dormia    no brasume

esperando    outro corpo    mais fogoso...

 

(batista_oliveira - 30/10/2018)

 

Momento Poético - 98

 

 

pintura do artista russo - Konstantin Razumov

                                               (pintura do artista russo Konstantin Razumov)

 

 

Cobiça dum corpo de mulher

 

Trazias    no pescoço    o teu colar

de pérolas e pedras preciosas

que    brilhando       faziam cintilar

sorrisos    em teus olhos    duas rosas…

 

Nas orelhas    dois brincos    a dançar

duas pérolas lindas    fulgurosas

como pingentes de água    a degelar

nas tuas costas    nuas e charmosas.

 

Mirava-te    com olhos de prazer

mas    muitos outros olhos    te miravam

fazendo    a tua estima    florescer.

 

 

Sentia    nos olhares    que passavam

a cobiça    dum corpo de mulher

que    nos seus braços    tanto desejavam…

 

(batista_oliveira - 23/10/18)

 

Momento Poético - 97

watching-klimt-the-kiss-escha van den bogerd.jpg

                       (pintura da artista holandesa - Escha  van den Bogerd)      

 

sabor dum beijo

 

Ontem    deste-me um beijo de ternura

igual    a tantos outros    que me deste

mas    devo confessar-te que    foi neste  

que senti    viva luz    em noite escura.

 

Deixaste-me    na língua    tal doçura

que me apagou    sabor ácido e agreste

doutros beijos    que nunca recebeste

e morreram    na boca    por secura.

 

Naquele beijo    que ontem    me ofertaste

havia um divinal sabor a mel

e ao néctar    doutros beijos    que guardaste.

 

Jamais    alguém faria o teu papel

e eu sabia    que sempre me beijaste

com o melhor sabor    do teu dossel   

 

(batista_oliveira - 16-10-18)

Momento Poético - 96

tomasz rut.jpg

                                                                 (pintura de Tomasz Rut - artista polaca)

 

Entrei no teu sacrário

 

 

Trazias    no teu peito    um sentimento

que pôs    meu coração    a palpitar

e eu    doido    que nem louco cata-vento

não suportei a fome de te amar.

 

Liguei-me    às flores do teu pensamento

e lembrei-me das pétalas cortar

uma a uma    gozando o sofrimento

e o prazer que    meu gesto    estava a dar-te.

 

Desnudada    no teu peito    eu poisei

minha boca    meus lábios    corpo inteiro

e    nos meandros de teu corpo    encalhei…

 

Docemente    e num gesto sorrateiro

entrei    no teu sacrário    e me deixei

desfalecer    no chão do teu  viveiro.

 

(batista_oliveira - 09/10/2018)                 

Momento Poético - 95

 

Alberto Pancorbo Tutt'Art@ (70).jpg

                                          (pintura do artista espanhol Alberto Pancorbo)

 

 

Despi-te com meus olhos

 

Despi-te    com meus olhos curiosos

imaginei-te um corpo de prazer

satisfiz meus sentidos gulosos

antes    dessa visão se desfazer…

 

Foram gratos momentos amorosos

em que tive    o meu corpo    a estremecer

na fúria dos orgasmos    tão gostosos

que prometi amar-te    até morrer…

 

Despi-te    com olhar terno e faminto

na avidez    de beijar teus belos seios

com fome    de comer teu corpo lindo…

 

Hoje    que te possuo    no meu leito

e que    todo o teu lindo corpo    sinto

julgo que já não tenho o mesmo jeito...

 

 

 

(batista_oliveira - 02/10/18)

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D